Concelhos

“Sinfoniónico”: Concertos comentados para famílias

pub

Três peças majestosas da história musical serão apresentadas e comentadas no próximo dia 31 de março, às 11h30, no Cineteatro António Lamoso. O evento “Sinfoniónico” é dedicado às famílias e abre o leque da música clássica e dos grandes compositores.

O maravilhoso e complexo universo da música sinfónica abrirá as partituras às famílias, no próximo dia 31 de março, às 11h30, no Cineteatro António Lamoso, para o evento “Sinfoniónicos”, em que a descoberta dos instrumentos, através de concertos comentados, dará a conhecer como funciona a música, tocada ao vivo, numa experiência rica e divertida. As explicações serão simples e o ambiente descontraído com complementos multimédia e interações com o público, num espetáculo com o custo simbólico de 2,5 euros.

Desenhado a partir de obras do património musical da cultura ocidental, o programa apresentado pela Orquestra e Banda Sinfónica de Jovens de Santa Maria da Feira, com direção do maestro Paulo Martins e comentário de Jorge Castro Ribeiro, abre com o “Guia da Orquestra para Jovens”, de Benjamin Britten, uma encomenda do Ministério da Cultura Britânico numa altura em que a sociedade se recompunha das marcas da II Guerra Mundial através da promoção da educação e da cultura. A obra mostra a orquestra e dá a conhecer os instrumentos com uma melodia “solene, grandiosa, rica e empolgante”.

Segue-se a “Suite N.º 1 de Peer Gynt”, de Edvard Grieg, baseada numa peça de teatro do dramaturgo norueguês Henrik Ibsen que se tornou um símbolo cultural da Noruega, não só graças ao enredo mas também à música de cena de Grieg. O pano de fundo é a mitologia nórdica, com os seus trolls e outras criaturas fantásticas, o exotismo dos desertos e de terras estranhas, e a personagem principal de Peer Gynt, o aventureiro atrevido que viaja pelo mundo. A música explora, com profundidade, os diferentes estados de alma e atmosferas.

A atividade encerra com a “Valsa do Lago dos Cisnes”, de Tchaikovsky, que retrata o conto popular da princesa Odette transformada em cisne pelo feiticeiro Rothbart. Uma maldição que só pode ser quebrada se ela encontrar o verdadeiro amor, encarnado pelo príncipe Siegfried, pouco impressionado com as outras princesas e que acaba encantado pela história das raparigas enfeitiçadas que são cisne durante o dia e recuperam a sua forma humana à noite. Tchaikovsky nunca suspeitou que o Lago dos Cisnes entraria numa sala de concertos ou que o conto seria interpretado e reinterpretado através dos tempos.

Sinfoniónicos é uma atividade do programa de desenvolvimento de públicos para as artes do Município de Santa Maria da Feira.

 


Palavras-chave:

Concelhos - Março 18, 2019

Relacionados

Os ritmos do Brasil em mais “Uma Dança por Mês” no cineteatro

As danças urbanas voltam à sala de ensaios do Cineteatro António Lamoso, em mais uma iniciativa “Uma Dança por Mês”, do Ballet Contemporâneo do Norte. Em abril, o país em foco é o Brasil, com o dançarino Renann Fontoura a fazer um “pequeno paralelo entre o hip-hop e o funk”. Integrada no programa €UROTRA$H, a […]

Já cheira a Imaginarius. De um globo gigante, sairão atores, dançarinos, trapezistas e músicos. Memórias de infância em todo o seu esplendor

O próximo Imaginarius dá as boas-vindas ao mundo imaginário. Imaginar um globo gigante de onde exalam atores, dançarinos, trapezistas e músicos, com várias projeções e momentos de pirotecnia. O desafio é entrar no espetáculo repleto de energia. Tudo preparado para a produção “Globe”? O encontro está marcado para os dias 24 e 25 de maio, […]

Mais de 700 bailarinos de todo o mundo competem no Europarque

O Concurso Internacional de Bailado (CIB) do Porto 2019 vai realizar-se entre os dias 4 e 7 de abril, no Europarque, em Santa Maria da Feira. A 9.ª edição do concurso contará com a participação de mais de 700 bailarinos de todo o mundo. O principal objetivo deste concurso é premiar e apoiar jovens bailarinos […]