d'outras

PSP identifica homem por suspeita de crime contra a autoridade pública

A PSP de Espinho identificou um homem, de 32 anos, por suspeita de se ter identificado como polícia. Alegadamente, em novembro do ano passado, num restaurante situado em Espinho, o suspeito terá pedido uma embalagem de “take-away” para levar o resto do seu almoço.

Ao verificar que na conta a pagar lhe estava acrescentado o valor da embalagem, o indivíduo terá pedido à empregada de mesa o Livro de Reclamações, ao que esta solicitou a presença do proprietário. Após troca de palavras, o suspeito ter-se-á identificado como agente da PSP, exibindo um cartão.

No decorrer das diligências de inquérito efetuadas pela PSP, foi identificado o suspeito, vigilante, tendo sido constituído arguido e sujeito a termo de identidade e residência. A investigação criminal continua a decorrer na esquadra de Espinho.


d'outras - Fevereiro 14, 2019

pub

Relacionados