Novo ano começa com a chegada de 88 médicos internos no Centro Hospitalar de Entre Douro e Vouga

pub

Os primeiros dias do novo ano ficam marcados pelo 20º Aniversário do Hospital São Sebastião e pelo acolhimento a 88 médicos internos no Centro Hospitalar de Entre Douro e Vouga (CHEDV) que, para além da unidade de Santa Maria da Feira, engloba os hospitais de São João da Madeira e Oliveira de Azeméis.

Dos 88 novos médicos, 70 são internos de Formação Geral e 18 são internos de especialidade (formação especializada), divididos por Anestesiologia, Cirurgia, Ginecologia/Obstetrícia, Medicina Física e Reabilitação, Medicina Intensiva, Medicina Interna, Neurologia, Oftalmologia, Oncologia, Ortopedia, e Pediatria.

Os 70 médicos internos de Formação Geral permanecerão em formação pelo período de um ano, distribuídos pelos Cuidados de Saúde Primários e nas especialidades de Pediatria, Medicina Interna e Cirurgia Geral.

Cerca de 80 por cento, dos 70 novos médicos internos de Formação Geral, selecionaram o CHEDV como primeira ou segunda opção de entre todos os hospitais portugueses, o que demonstra bem a confiança que os jovens médicos sentem pela qualidade formativa oferecida pela instituição.

Para Miguel Paiva, presidente do Conselho de Administração do CHEDV “uma das mais importantes missões da instituição, para além de prestar cuidados de saúde, é ter um papel importante na formação de novos médicos”. O presidente do CHEDV lembra a tradição formativa do Hospital de S Sebastião realçando a qualidade da equipa médica, com muitos doutorados em várias especialidades, o que, segundo considera, “torna o CHEDV num dos hospitais mais procurados pelos jovens médicos”.


- Janeiro 3, 2019

Relacionados