Mais uma chamada, mais uma oportunidade para as artes de rua. O circuito europeu de criação artística está à espera de propostas

pub

Há uma nova oportunidade para a criação artística, uma nova chamada a projetos de artes de rua para entrar no circuito europeu de residências e festivais. Santa Maria da Feira é a única cidade portuguesa parceira no projeto de cooperação europeia “Roundabout Europe”.

Artistas emergentes e novos artistas que pretendam criar para o espaço público são convidados, até 31 de dezembro, a submeter as suas propostas no âmbito do projeto de cooperação europeia “Roundabout Europe”. O projeto reúne cinco festivais internacionais, entre os quais o Imaginarius, e tem como propósito promover a criação de um circuito europeu de residências artísticas e de festivais de artes de rua. Cada artista fará uma residência e apresentará um “work in progress” em dois dos festivais desse circuito. A seleção será feita pelos diretores artísticos dos festivais participantes.

As condições de participação e informações detalhadas do projeto podem ser encontradas em www.roundabouteurope.eu. A “Roundabout Europe” é um projeto internacional que resulta de uma candidatura conjunta de cinco festivais europeus – Imaginarius (Portugal), KoresponDance Festival (República Checa), Out There (Reino Unido), Passage Festival (Dinamarca) e Spoffin Festival (Holanda) – ao programa “Europa Criativa” da União Europeia. Unidos com o objetivo de reforçar a capacitação na área das artes de rua, os cinco parceiros procuram elevar a qualidade artística e tornar as artes ao ar livre reconhecidas, proporcionando aos artistas e companhias uma sólida carreira e acesso a novos públicos, redes e mercados.

A call encontra-se aberta até 31 de dezembro no website oficial do projeto www.roundabouteurope.eu. Serão selecionados cinco artistas e/ou companhias, cujos resultados serão conhecidos a 28 de fevereiro de 2019.

O projeto visa desenvolver uma rede de residências artísticas para artistas emergentes (em dois domínios: artistas “novos” no contexto rua ou artistas em ponto de viragem do seu perfil criativo), suportadas em festivais de artes de rua com historial de apoio à criação, geograficamente distribuídos no espaço europeu. Além da geração de oportunidades para artistas, o projeto visa de forma vincada o desenvolvimento de competências em vários níveis, criando atividades de coaching nos períodos de trabalho artístico, assim como o envolvimento das equipas dos festivais para o desenvolvimento de novas metodologias de trabalho.

Para Gil Ferreira, vereador da Cultura e do Turismo da Câmara da Feira, “Roundabout Europe” vem “reforçar o posicionamento de Santa Maria da Feira no circuito internacional da criação artística para o espaço público e do Imaginarius como um projeto de referência no contexto internacional”.

 


Palavras-chave: , , ,

- Dezembro 14, 2018

Relacionados

Espaço Migrações abre para receber feirenses espalhados pelo Mundo

A Câmara de Santa Maria da Feira inaugura na próxima sexta-feira, dia 18, um novo espaço de acolhimento para os feirenses no Mundo. A cerimónia inaugural do Espaço Migrações terá início às 10h45, na Biblioteca Municipal de Santa Maria da Feira, e contará com a presença do secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Carneiro, […]

BE diz que acordo é “um insulto”

O BE, que já apresentou uma participação no Ministério Público contra o contrato entre a Câmara de Santa Maria da Feira e empresa P. Parques, contesta o acordo extrajudicial que foi aprovado na última reunião de câmara. A dívida da concessionária do estacionamento ronda os 849 mil euros por mais de oito anos de incumprimento. O […]

Alunos vão aprender a enrolar e cortar a massa da genuína fogaça

Na próxima segunda-feira, o Agrupamento de Produtores de Fogaça da Feira realiza a XIII Mostra de Fabrico de Fogaça na Escola Básica de Milheirós de Poiares. Produtores locais do tradicional pão doce vão revelar aos alunos do 9.º ano do Curso de Educação e Formação de Jovens tipo 2- Pastelaria e Panificação- os “segredos” de […]