Política

CDS/Feira defende apoio a associações

pub

O CDS de Santa Maria da Feira registou “a inoperacionalidade” do Plano de Apoio aos Projetos Culturais e as “dificuldades que as associações apresentam para se manterem em atividade”, durante uma reunião com a Direção da Federação das Coletividades de Cultura e Recreio do Concelho da Feira.

Os centristas aproveitaram o ensejo para proporem que as associações que desenvolvem assiduamente atividades ao longo do ano sejam premiadas, através da criação de programas de apoio a associaçoes com sede própria, da requalificação de equipamentos para aproveitamento associativo e a realização de protocolos para manter abertos espaços associativos durante todo o dia, enquanto espaços de convívio social.

O encontro com os dirigentes da Federação das Coletividades, entidade que integra a Comissão Executiva da Viagem Medieval, seviu ainda para abordar a problemática das descargas de resíduos durante o evento, que, segundo o partido, seriam “facilmente evitáveis”. Os centristas esperam que “no próximo ano, a Comissão Executiva esteja mais atenta e não permita estes atentados ambientaism como o que se passou” em 2018.


Palavras-chave: , ,

Política - Novembro 25, 2018

Relacionados

PS diz que modelo de apoio ao associativismo está em “falência”

O Partido Socialista considera que o subsídio atribuído, com o voto favorável do PS, ao Rancho As Florinhas de Caldas de São Jorge para a construção da sua sede revela a “falência” do Plano de Apoio aos Projetos Culturais (PAPC). A líder da bancada do PS no executivo municipal, Margarida Gariso, que defende um modelo […]

CDS/Feira foca-se no desporto

O presidente da Comissão Política Concelhia do CDS de Santa Maria da Feira, Ângelo Santos, considera que o Concelho precisa de infraestruturas desportivas modernas que “sirvam os atletas e o desporto de hoje”. Acompanhado pelo candidato do partido à Câmara nas últimas autárquicas, Rui Tavares, e ainda por Victor Plácido, Daniel Santos, Joaquim Oliveira e […]