Desporto

Quatro golpes na muralha

pub

O Tondela, de Pepa, agigantou-se em Santa Maria da Feira, arrecadando um precioso triunfo, por 4-2, diante de um Feirense, que vinha a demonstrar grande solidez defensiva e sofreu quase tantos golos neste jogo como nos outros oito anteriormente disputados no campeonato.

O resultado deixa transparecer uma superioridade avassaladora dos homens de Tondela, mas a história do encontro não reza bem assim.

A primeira vitória na condição de visitante começou a ser desenhada com um golo de Bruno Monteiro, aos 7 minutos. O Feirense reagiu e pouco depois de Tiago Silva ter rematado à trave, Edinho repôs a igualdade na conversão de uma grande penalidade aos 38 minutos.

E assim regressaram as duas equipas ao balneário. O Tondela apareceu ainda mais afoito no segundo tempo e Tomané recolocou a formação de Pepa na frente do marcador quando estavam decorridos 54 minutos, numa grande penalidade (assinalada com recurso ao VAR).

João Silva que entrara pouco antes devolveu, aos 66 minutos a esperança numa reviravolta ao Feirense, mas Murillo, avançado do Tondela, apontaria, seis minutos depois, o terceiro golo que “obrigou” os comandados de Nuno Manta Santos a arriscar tudo na busca do empate. Ao abrir espaços atrás, acabariam por sofrer o quarto golo, assinado por Delgado.

No final do jogo, Nuno Manta Santos não escondia o seu descontentamento, vincando, em declarações à imprensa, que os seus jogadores falharam em situações para as quais estariam alertados.

Com este resultado, a equipa de Tondela igualou o Feirense na tabela classificativa, com nove pontos, dois acima da linha de água.
Setúbal é o próximo destino dos azuis. O jogo está agendado para sexta-feira, às 21h15.

Jogo no Estádio Marcolino de Castro, Santa Maria da Feira

Feirense 2
Tondela 4

FEIRENSE – Caio Secco, Tiago Mesquita (Edson Farias, 62′), Briseno, Bruno Nascimento, Vítor Bruno; Babanco, Alphonse (João Silva, 62′), Tiago Silva, Sturgeon, Edinho e Luís Machado (Gómez, 86′). Treinador: Nuno Manta.
TONDELA –  Cláudio Ramos, David Bruno, Ícaro, Ricardo Costa, Joãozinho, Hélder Tavares, Bruno Monteiro, Tomané, Arango (Sérgio Peña, 62′), Xavier (Jorge Fernandes, 86′) e Murillo (Delgado, 83′). Treinador: Pepa
Ao intervalo, 1-1. Marcadores: Bruno Monteiro (7′), Edinho (38′ gp), Tomané (54′ gp), João Silva (66′), Murillo (71′) e Delgado (84′).
Árbitro: Hugo Miguel.


Desporto - Novembro 4, 2018

Relacionados