Concelhos

Arquiteto Rui Lacerda morre durante peregrinação a Compostela

pub

Rui Lacerda, 64 anos, arquiteto espinhense, morreu de doença súbita esta quinta-feira, numa peregrinação a Santiago de Compostela, em Espanha. Desconhece-se, por enquanto, data e hora do funeral devido ao processo de transferência do corpo de Espanha para Portugal.

Rui Lacerda é autor de edifícios como o Auditório de Espinho, o Casino da cidade, a Escola Secundária Manuel Laranjeira e a Biblioteca José Marmelo e Silva. E co-autor do projeto de requalificação do canal ferroviário da cidade espinhense. Nasceu a 10 de março de 1954, formou-se na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto. Dirigia o gabinete RDLM Arquitetos Lda., em Espinho. Gabinete fundado pelo seu pai e que agora fica nas mãos da terceira geração da mesma família.

A Câmara de Espinho reage à morte do arquiteto no seu site, onde apresenta uma nota de pesar pelo falecimento. “Esta é uma grande perda para a Espinho, pois para além de um espinhense apaixonado pela cidade, perde-se uma importante figura na área da fotografia e da arquitetura. Rui Lacerda em parceria com o arquiteto espanhol Francisco Mangado terra foi o vencedor do projeto de Requalificação do Canal Ferroviário, e o seu legado ficará para sempre na história da cidade”, sustenta a autarquia que endereça à família enlutada “as mais sinceras condolências neste momento de pesar”.

Foto: Câmara de Espinho


Palavras-chave: ,

Concelhos - Setembro 7, 2018

Relacionados

Meio milhão para intervenção do POOC em Paramos não contempla realojamento das famílias

O Plano de Ordenamento da Orla Costeira (POOC) Caminha-Espinho, que prevê a demolição de habitações e equipamentos situados em zonas consideradas de risco por causa do avanço do mar, continua na ordem do dia, pela contestação de autarcas, empresários e moradores. A demolição e a deslocalização de famílias que vivem no aglomerado da praia de […]

Artistas portugueses juntam-se para homenagear “Amadeo” com exposição no Museu de Espinho

Até 15 de dezembro, o Museu Municipal de Espinho acolhe a exposição “Amadeo”. Álvaro Siza Vieira, Manuel Cargaleiro, Joana Vasconcelos, Júlio Resende e Nadir Afonso são alguns dos criadores que conceberam obras inspiradas em Amadeo de Souza-Cardoso, o pintor modernista que nasceu em Amarante a 14 de novembro de 1887 e morreu em Espinho a […]

Munícipes de Espinho isentos do pagamento dos ramais de ligação à rede pública de água

A Câmara de Espinho vai isentar os munícipes do pagamento dos ramais de ligação à rede pública de água e saneamento básico. Para isso basta solicitar a ligação dos respectivos ramais nas ruas contempladas na empreitada em curso, bem como, nas zonas do concelho, já servidas com estas redes públicas, mas cuja ligação ainda não […]