d'outras

Câmara e agrupamentos de escolas estabelecem memorando de entendimento

A Câmara Municipal de S. João da Madeira e os três agrupamentos de escolas da cidade reuniram, no passado dia 18 de julho, no sentido de assinar um “Memorando de Entendimento”, no qual se assume a implementação de diversas medidas concretas tendo já em vista o próximo ano letivo. Esse documento, que traduz o entendimento de todos em prol da qualidade do ensino e da aprendizagem dos alunos do concelho, conta, também, com a concordância da Federação Concelhia das Associações de Pais de S. João da Madeira (FECAP). Na referida reunião, estiveram presentes o Presidente da Câmara, a Vereadora da Educação, os Diretores dos Agrupamentos de Escolas, o Presidente e Vice-Presidente da direção da FECAP.

Assim, a autarquia contratará mais cinco assistentes operacionais, a tempo inteiro, para apoiar os funcionários já afetos a cada escola no controlo das entradas e saídas das instalações.

Esses novos funcionários do Município irão desenvolver a sua atividade durante três horas e trinta minutos em cada estabelecimento de ensino. A Câmara e os Agrupamentos de Escolas farão a gestão dos horários de forma integrada e articulada para, assim, dar resposta às efetivas necessidades.

 

Educação Atividade Física e Desportiva

A Câmara Municipal proporcionará 1 hora semanal de Atividade Física no curriculum do 1.º Ciclo do Ensino Básico (CEB), “recorrendo aos professores das Atividades de Enriquecimento Curricular (AEC), os quais farão a coadjuvação ao professor titular da turma”.

No 4.º ano de escolaridade, será mantido o Ensino de Natação. Os alunos do 3.º ano de escolaridade, nesta componente, passarão a ter a Atividade Física e Desportiva no Pavilhão Municipal das Travessas.

O memorando prevê, ainda, a realização de “um inquérito de diagnóstico, no início do ano letivo, a todas as crianças do 1.º CEB e respetivas famílias, com vista a implementar, futuramente, um programa de Atividade Física, constituído por um acréscimo de 2 horas semanais para o 1.º e 2.º ano e 1 hora semanal para o 3.º e 4.º ano”.

 

Música, arte, ciência e igualdade de oportunidades 

Para além da Atividade Física e Desportiva, nas Atividades de Enriquecimento Curricular (AEC) serão desenvolvidos, igualmente, o ensino da Música e o ensino das Artes Plásticas, em articulação com o Projeto Educativo Municipal.

O Município assegurará, também, um programa de ciências experimentais, da educação Pré-Escolar ao 4.º ano de escolaridade, com a duração de 45 minutos semanais.

Refira-se que todas estas atividades serão totalmente gratuitas para as famílias.

Com vista a “garantir a igualdade de oportunidades”, a Câmara irá transferir, para os Agrupamentos, as verbas necessárias referentes à aquisição dos cadernos de atividades para os alunos beneficiários do programa de ação social escolar, do 1.º ciclo e do 2.º ciclo do ensino básico.

A autarquia assumirá, ainda, o apoio à aquisição, por parte dos agrupamentos, de material de desgaste e de uso corrente, nos espaços de ensino e de aprendizagem da educação pré-escolar e do 1.º CEB.

Com o objetivo de proporcionar, às crianças, “experiências diversificadas e enriquecedoras”, a autarquia oferecerá transporte para visitas de estudo de todos os alunos do 1.º ciclo e pré-escolar, até ao limite de 100 quilómetros por autocarro.


d'outras - Julho 28, 2018

pub

Relacionados

Gin regressa à Praça no início de setembro com edição especial dedicada aos anos 80

Os anos 80 são a inspiração temática da edição deste ano das “Gin Sessions”, marcadas para os dias 7 e 8 de setembro (sexta-feira e sábado) em S. João da Madeira, com a ampla Praça Luís Ribeiro transformada na maior pista de dança ao ar livre ao estilo dessa década inesquecível do século vinte. Tendo […]

Exposição na Oliva reúne trabalhos de utentes do Centro Hospitalar

O Centro de Arte da Oliva Creative Factory, em São João da Madeira, recebe a exposição “Normativos? talvez… não!”, que reúne as obras realizadas pelos Utentes da Unidade de Reabilitação Psicossocial, pertencente ao Departamento de Saúde Mental, do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga (CHEDV). O projeto, que tem como objetivo utilizar a […]

Curso de Mecatrónica vai decorrer em S. João da Madeira

Em resposta às necessidades do setor industrial da região de S. João da Madeira, a ATEC – Academia de Formação, em parceria com a Sanjotec (Parque de Ciência e Tecnologia de S. João da Madeira), tem vindo a desenvolver, desde 2012, cursos de especialização tecnológica, cujos formandos tiveram a oportunidade de desenvolver o seu estágio […]