Concelhos

Câmara vai estudar pagamento parcial das bolsas de estudo em janeiro

pub

A Câmara de Santa Maria da Feira aprovou esta semana a atribuição de 54 bolsas de estudo a alunos do concelho que frequentam o ensino superior. Esta atribuição acontece todos os anos na reta final do ano letivo, levando a que alguns dos estudantes, pela sua situação de carência económica, atravessem grandes dificuldades para suportar propinas e os outros encargos.

Entre novembro e dezembro, altura em que a Câmara Municipal tem os resultados das candidaturas feitas pelos alunos nos meses de setembro e outubro, e maio quando fecha o processo decorrem mais de cinco meses, justificados pela necessidade de esperar pelas listas das bolsas de estudo atribuídas pela Direção Geral do Ensino Superior (DGES), para evitar duplicação de apoios.

 

Proposta do socialista Délio Carquejo acolhida pela vereadora da Educação, Cristina Tenreiro, que se propõe estudar o perfil dos alunos contemplados nos últimos anos e fazer uma experiência piloto já no próximo ano

 

Foi a pensar nestes casos, que o vereador socialista Délio Carquejo (à direita na foto) propôs que a Câmara antecipasse para janeiro um pagamento de 50 por cento das bolsas de estudo, para atenuar as dificuldades desses alunos, fazendo o acerto de contas no momento em que forem conhecidas as listas da DGES e da autarquia.

Délio Carquejo é docente do ensino superior e tem conhecimento de que “muitas dificuldades dos alunos no pagamento de propinas”, ficando sujeitos ao “arbítrio” das instituições do ensino superior em tolerar ou aplicar multas por atrasos.

Cristina Tenreiro, vereadora que tutela a pasta da Educação, prometeu, com base no historial dos anos anteriores definir um perfil dos alunos que muito provavelmente terão direito a bolsa e atribuir uma percentagem em janeiro. “Vamos fazer esse estudo e faremos uma experiência piloto no próximo ano”, afirmou a vereadora, ressalvando que essa antecipação do pagamento de uma percentagem da bolsa “não vai ser para todos”.

Neste ano, os serviços do pelouro de Educação receberam mais de uma centena de candidaturas de alunos do ensino superior às bolsas atribuídas pelo Município. Foram contemplados 54 estudantes que atingiram rendimentos per capita até 325 euros.


Palavras-chave: , , , , ,

Concelhos - Junho 9, 2018

Relacionados

Vínculos precários no Município da Feira regularizados até ao fim do ano

Os trabalhadores com vínculos precários na administração pública começam a ser integrados no âmbito do programa de regularização lançado pelo governo e a vereadora socialista Margarida Gariso aproveitou a última reunião do executivo municipal de Santa Maria da Feira para solicitar um ponto da situação deste dossiê, no que toca aos trabalhadores do Município. A […]

Ciclo de Órgão de Tubos da Feira começa este domingo em Mosteirô

Em setembro, as Artes continuam em Itinerância pelo Concelho de Santa Maria da Feira com a primeira edição do Ciclo de Órgão de Tubos, que percorrerá as Igrejas de Mosteirô, Santa Maria da Feira, Nogueira da Regedoura e Santa Maria de Lamas nos dias 2 (este domingo), 9, 16 e 23, respetivamente. Quatro concertos únicos, […]

Dois homens e uma mulher constituídos arguidos por jogo ilegal

A GNR de Santa Maria da Feira constituiu arguidos dois homens e uma mulher, com idades entre 19 e 45 anos, por prática de jogo ilegal. A ação foi efetuada no âmbito de uma fiscalização em dois estabelecimentos de restauração e bebidas. A prática dos crimes foi participada ao Ministério Público de Santa Maria da […]