Jogar futebol a caminhar é o novo desporto para os mais velhos de Santa Maria da Feira

pub

Chama-se Walking Football, em português futebol a caminhar, e é uma modalidade recente ajustada aos mais velhos. Tem regras bem definidas que reduzem os riscos e o desgaste físico de um jogo de futebol convencional. Não é permitido o contacto físico, nem correr, apenas caminhar.

Jogar futebol a caminhar é, assim, uma alternativa para quem sofre de patologias que tenham contra-indicações para a prática de uma atividade física de impacto e de intensidade vigorosa. Vários estudos demonstram os benefícios desta modalidade em indicadores como a pressão arterial média, a diminuição do peso, e a percentagem de massa gorda.

A Câmara de Santa Maria da Feira vai lançar a modalidade desportiva para os seniores do concelho, integrada no Programa Movimento e Bem-Estar. Este futebol a caminhar conquista cada vez mais adeptos na Europa e está a dar os primeiros passos em Portugal. Em Santa Maria da Feira, a modalidade será dinamizada, numa primeira fase, entre maio e julho deste ano, no Pavilhão Municipal de São João de Ver e no Pavilhão Gimnodesportivo de Canedo.

No ano passado, no âmbito do Programa Movimento e Bem-Estar, foram realizados treinos e sessões de sensibilização e jogos de demonstração de Walking Football nas Olimpíadas Seniores de Santa Maria da Feira e nos Jogos de Natal, onde se registou um número significativo de interessados na prática desta modalidade.

O Walking Football complementa, desta forma, o programa municipal de envelhecimento ativo que a Câmara de Santa Maria da Feira desenvolve junto da comunidade sénior do concelho desde 2000, envolvendo atualmente 1900 seniores, maioritariamente do sexo feminino, através de 48 entidades feirenses. A expetativa é que esta modalidade possa também mobilizar mais idosos do sexo masculino para a prática regular de uma atividade física.

Por outro lado, a autarquia alargou o ensino da Música para seniores, no âmbito do projeto Aprender a Tocar um Instrumento – Class Band, com a criação de um novo polo na sede da Banda de Música de São Miguel de Souto (União de Freguesias de São Miguel do Souto e Mosteirô), onde terão lugar as aulas semanais e os ensaios. Esta atividade proporciona aos seniores conhecimentos básicos de música, de forma tranquila e à medida das suas capacidades, bem como a aprendizagem de um instrumento de orquestra. Aos 35 idosos que já usufruíam desta atividade musical na Tuna Musical Mozelense, juntam-se agora novos participantes.

O Programa Movimento e Bem-Estar promove várias atividades: ginástica de manutenção, hidroginástica, boccia, caminhadas temáticas, matinés dançantes, ensino de dança, comemorações do Dia Mundial da Saúde, Olimpíadas Seniores, Jogos de Natal e Jogos de Páscoa Intergeracionais, Class Band e Walking Football.

Com o envolvimento e participação dos seniores nestas atividades, fundamentais para a promoção de um envelhecimento saudável, a câmara feirense tem proporcionado aos idosos momentos de convívio e bem-estar, combatendo o isolamento e a solidão, e promovendo a manutenção da saúde e o retardamento da dependência.


Palavras-chave: , , , , , , , ,

- Maio 12, 2018

Relacionados

Dia da Mulher com expressão corporal e conversa na biblioteca

A Casa dos Choupos e o Município de Santa Maria da Feira levam a cabo, no dia 7 de março, uma oficina de expressão corporal e uma conversa sobre “Longevidade e Saúde no Feminino” incluídas na efeméride do Dia Internacional da Mulher. O Dia Internacional da Mulher celebra-se a 8 de março e a Casa […]

Comunicação do Imaginarius recebe prémio internacional em Frankfurt

Um dos mais prestigiados prémios na área do Design foi atribuído ao Município de Santa Maria da Feira pela comunicação do seu evento Imaginarius. Entre 4500 candidatos, o galardão em causa foi para “um evento fantástico que permite aos visitantes experimentar o potencial criativo da cidade”. O prémio foi entregue este mês em Frankfurt, na […]

Orquestra Criativa sopra 10 velas com música, histórias, e surpresas. Este é um projeto de inclusão e diversidade

A Orquestra Criativa de Santa Maria da Feira comemora 10 anos de existência e para assinalar a data leva a cabo, no próximo dia 16 de fevereiro, no Museu do Papel Terras de Santa Maria, uma exposição dos melhores momentos desta década de criação musical coletiva. Um projeto inclusivo de envolvência da comunidade que tem […]