Política

PCP de Azeméis critica água privada

pub

O PCP de Oliveira de Azeméis continua a ouvir “queixas e críticas” da população ao “negócio da água”, no âmbito da sua campanha “Água privada, água mais cara”. A última ação foi desenvolvida no mercado municipal, onde além de queixas sobre o aumento do preço da água da companhia.

“Alguns ainda se queixam de pagar taxas de saneamento na fatura da Indaqua, mesmo não tendo saneamento ligado à sua habitação, sendo duplamente prejudicados pois, quando ligam à Câmara para virem despejas a fossa séptica, ainda têm de pagar por este serviço da autarquia”, sublinha um comunicado do PCP distribuído à comunicação social.

“Esta situação é escandalosa e só prova que a parceria com a Indaqua só veio prejudicar os Oliveirenses, que se mostram indignados com este processo que tem sido ruinoso para a sua população e que só faz lucrar a Indaqua”, refere aquele comunicado, onde o PCP reitera que a água e o saneamento deveriam ser públicos e acessíveis a todos e apela a que a população se associe à luta pela reversão do contrato com a Indaqua.


Política - Abril 9, 2018

Relacionados